A- A A+

2019: aprenda a gerenciar melhor o seu tempo e alcançar as suas metas

2018 deixou aquela sensação de que passou rápido demais? Atenção, a gestão de tempo poderá ser sua aliada no próximo ano.

​Com a chegada de mais um final de ano, é natural começarmos a refletir sobre o que fizemos das nossas vidas, as funções e as metas que atingimos ou deixamos passar. É comum também a realização de promessas e planos. Um dos maiores empecilhos, no entanto, é o tempo, cada dia mais difícil de administrar com a quantidade de tarefas e informações da vida moderna.

Por isso, para ajudá-lo a entrar em 2019 com o pé direito separamos algumas dicas para que você possa administrar melhor o seu tempo e fazer aquilo que tanto gosta ou planeja.

1 – Defina metas e objetivos tangíveis

Defina os objetivos e metas que são realmente importantes para você, tanto profissional quanto pessoalmente. Organize-se! Trace objetivos diários e avalie quais recursos e habilidades serão utilizados para realizar as tarefas.

Trabalhe com metas tangíveis e prazos adequados – curtos ou longos dependendo da complexidade para execução. Divida as metas mais longas em etapas e ações, e coloque prazos mais curtos para cada uma delas. Isso irá ajudá-lo a não perder o foco. E não se esqueça de revisar todas as atividades executadas. Essa atitude ajuda a propor melhorias ou ideias que poderão ser aplicadas futuramente.

2 – Deixe uma brecha para o imprevisto

Administrar não tem nada a ver com um controle absoluto de tudo que for tomar o seu tempo. Uma boa administração é feita com organização, planejamento, execução e avaliação com base em prioridades e metas.

Sempre podem surgir novas demandas ou imprevistos, por isso flexibilidade e margem para mudanças são primordiais. Mais do que organização e planejamento, a gestão do tempo é essencial para definir os rumos e objetivos que você quer alcançar.

3 – Comece pelas atividades mais difíceis

A produtividade é a maior aliada da administração do tempo. Quando definimos as metas, conseguimos definir também os horários e o tempo necessário para a realização dessas atividades.

Escolha realizar as atividades mais importantes – ou complexas – no horário em que você costuma estar mais disposto. Pode ser de manhã, à tarde ou à noite, descubra o horário em que você está mais cheio de energia.

4 – Seja consciente na hora de fazer suas escolhas

A vida é feita de escolhas. Todas as atividades, assim como os seus respectivos resultados, são advindos das escolhas que fazemos, sejam elas grandes ou pequenas. Então, seja consciente e responsável!

Caso as opções não sejam as melhores, busque alternativas para modificá-las. Uma forma de mensurar a importância das atividades é tentar imaginar um cenário onde a tarefa não foi realizada e analisar as suas consequências, isso certamente irá ajudar a perceber quais as prioridades. E por fim, comemore, afinal, a vida é feita de pequenas conquistas.

Por Fabiane Moraes

 

Últimas notícias